Se eu pudesse explicar
(como tudo só deixa mais triste quando já estou triste)
as coisas que podem ser ditas parecem papo de bêbado agora.
(deitado na cama, as luzes girando)
Perdido em minhas próprias palavras
(levante-se, abra a cortina. Veja a chuva caindo)
Você pode estar com alguém que se sente sozinho também
(ás vezes é difícil perceber)
e que está tentando chegar até você.
(as palavras são tão ineficientes)
Quando o seu próprio vazio influencia tudo o que te cerca,
chega a hora em que você não tem mais certeza
do porquê de continuar tentando.

Eu já passei deste ponto
e não suporto mais andar em círculos;
essas espirais que só levam ao fim.
(você sabe como é inútil, quando um dos lados não acredita)
A voz dizendo “você vai permanecer nisto
até encontrar algum tipo de identificação”

Bem, eu te vi por entre as risadas e gritos,
você corria atrás das mesmas velhas coisas
e enquanto todos disputavam um instante do teu sorriso cansado,
pensei em todos esses anos
que passei procurando pelo amor
nos teus olhos.

Agora estou aqui pensando no que poderia ter ficado
(algo que você pudesse reconhecer)
sabendo que meus sentimentos podem te afastar.
Ninguém mais fala sobre sentimentos mesmo,
sem vesti-los com ilusões ou humor.
Acho mesmo que seria dolorido demais de qualquer outra forma.



Essa chuva faz todo o sentido.
Ponteiros do relógio que se arrastam
camadas repetidas do dia
componentes de um grande buraco.

O silêncio depois que a porta bate
(lá embaixo estão as coisas do dia, a paz da cozinha)
preparações para mais um dia
(um a menos, outro a mais, todos esses dias)
em que me empenho em viver e construir e alcançar o possível
e luto e erro e quem sabe
consigo esconder a lembrança
dessas coisas
que estiveram evidentes desde o início.






Anúncios

Uma resposta to “”

  1. se o senhor não pudesse explicar.

    beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: