Entre horas fora do relógio
e madrugadas de asas quebradas
no instante da dúvida
eu tenho tomado o caminho mais longo
perdido em labirintos
perguntando o porquê
dessa constante
essa sombra.
A sombra do silêncio sujo.
E o caleidoscópio que já não me basta.





Anúncios

Uma resposta to “”

  1. Pattricia Says:

    esse silêncio enorme que nos habita…bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: