Uma noite, depois de ter passado a quinta, sexta, sábado, segunda, terça, quarta num movimento eficientemente constante, registrando fichas arquivando chamadas remetendo juros ouvindo impropérios organizando equipes atendendo mensagens debatendo posições corrigindo processos digitando ameaças despachando telefones redigindo cartas
[Prezado Senhor
fica então acordado que tudo o que pode acontecer acontece;
que o que não acontece, pode não acontecer.
Que tudo o que pode mudar, muda.
E, outrossim, o que não muda, não pode.
Atenciosamente]
assassinando termos consultando fórmulas contabilizando valores tomando medidas
idem providências idem cafés lambendo dinheiro comendo fogo urinando ácidos;
peguei o carro e fui prá casa.
Quando cheguei, todo mundo se divertia com suas mesmas coisas
e logo pensei que nada havia acontecido.
E no decorrer da noite, depois de mais uma vez simplesmente não entender,
tive a certeza de que nada aconteceu mesmo.






Anúncios

4 Respostas to “”

  1. terras de nenhu Says:

    Combinado também:
    que tudo pode ser parecido com o que parece
    embora nem sempre seja.
    E na aparente rotina da “diversão”
    apenas uma falta de sincronismo:
    minha dor ficando calada
    para que a tua possa calar, cronopio.

  2. Simplesmente genial!!!!

    Recomendarei a leitura.

  3. E quantos dias vão passando e a gente se apercebe de que nada aconteceu… é a rotina, eu digo sempre.
    É a sensação de que algumas coisas perderam o sentido ou de que nós mesmos, e não as coisas, perdemos o sentido.
    Ótimo texto… quase entrei no ritmo da descrição.
    Abraço!

  4. Mecanizar o indomável, burocracia de iminências. Rotina transtornada de esperas. Adorei!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: