Arquivo para julho, 2009

Posted in idílios on julho 28, 2009 by meuparedro





Lembranças brincam furiosas.
Imagens revoluteiam na memória.
Vontades que me absurdecem,
mas ainda assim fazem sentido.
Sinais que protegem e aconselham
a realmente aproveitar esta vida,
já que somos apenas humanos.

As piras, o nonsense da nossa época.
Olhar dentro do sol e encontrar o novo.
Estrelas,
tão quentes ainda que distantes.
É bom saber que vocês existem.





Anúncios

Posted in as coisas, tempestade on julho 17, 2009 by meuparedro




Pensar demais é ficar parado enquanto as coisas,
e depois querer explicar.
Eu vivo em conflito com minhas palavras pensantes.
Elas vêm aos borbotões e me cercam e me confundem
da forma mais estúpida.
E eu sei, são apenas pequenos eus tentando enganar o tempo.
Fantasmas tagarelas que me usam, me dirigem, me perdem.
Vontade de costurar essas minhas bocas, sufocar seu palavrório.
Peço perdão pelas vezes em que fugi do assunto.
E claro, por essa mania de complicar o que quem sabe,
pela primeira vez,
seja de alguma forma
simples.





Posted in idílios on julho 9, 2009 by meuparedro





eu beijo o sono para longe dos teus olhos.
eu beijo o amanhecer, o sol nascendo em ti.
eu beijo a carne dos teus lábios, a pele do teu pescoço.
teus dedos, cada detalhe dos teus gestos.
eu beijo tuas lágrimas, teus medos.
cada tristeza até que evapore.
eu viajo minha língua pelas tuas costas
eu beijo teus seios, eu sinto a tua força,
eu te beijo, eu te beijo, eu beijo o teu sexo
te tomo em minha boca e te tenho comigo.
eu te beijo até ter a certeza de que você não vai embora.