Enquanto você dormia

 

Enquanto você dormia
brilhou a lua moveram-sombras
gritou o telefone andou o tempo
na cozinha estrilaram pequenas melodias.

Você tossiu, se virou
murmurou pequenos segredos de outras realidades.
Lá fora governos caíram, estrelas viraram poeira.
você dormia e ignorava o universo.

Gigantes brigaram do outro lado do mundo;
máquinas rugiram e a terra suspirou.
Através dos ventos você dormia.
Eu tossi, me virei
lutei para fechar meus olhos
para as pressões do futuro.

Enquanto você dormia,
as horas mudaram
e a gravidade tornou meu amor quase abissal.
Cheia de sonhos você dormia
e seu calor bastou para tudo estar bem.
Andei na ponta dos pés, banheiro cozinha copo de água.
Meu coração bateu alto,
minha mente acesa demais.

Seu rosto assumia contornos,
mistérios em preto e branco.
Lá fora choveu por meia hora
e eu pensei em filmes
lembranças
campeonatos
praias
lugares onde poderíamos ir
esperei que a manhã
viesse prá dissolver tudo isso.
Você teve o sonho mais estranho antes de acordar
fitou o teto com olhos vazios
voltou ao mundo e sorriu prá mim.

Anúncios

2 Respostas to “Enquanto você dormia”

  1. saudade de passear por esse seu quarto de leves ventanias…

  2. tem coisa mais linda
    que o amor durante o sono?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: